sexta-feira, 6 de março de 2009

Minha base

Eu não surgi num acidente de percurso, por meio de uma gravidez indesejada ou qualquer coisa do tipo. Fui gerada durante anos, nos sonhos e no coração da mulher que eu amo infinitamente. Com seis dias de vida eu nasci de fato, acomodada nos braços dela eu cheguei ao meu lar.

Tantas mudanças nas nossas vidas em 2009 ... Estamos a nos adaptar... Hoje eu começo a caminhar sozinha, mas foi ela que me ensinou a dar os primeiros passos.

Assim como me orgulho dela, dos princípios e valores que carrega, quero ser motivo de admiração e orgulho pra ela.

Por esse e vários outros motivos eu não poderia deixar de homenageá-la.

A Melhor Mãe do Mundo, o maior e mais feliz Dia Internacional da Mulher!

Te amo!

3 comentários:

Dili disse...

Tenho certeza que será uma mãe como ela...
mulher inteligente e amiga...

bjoss

Tenho certeza que a tia se orgulha de vc...

Eu me orgulho de minha amiga!!!

SUCESSO

Edison disse...

Bonito isso Nandinha.
Muitas vezes uma pessoa adotada se revolta por isso, como se aquela que se propos a cuidar dela tivesse cometido um crime.
É bom saber que ainda existem pessoas que apreciam um ato generoso e, principalmente, que carregam consigo gratidão.
Parabéns.
Bjos.

Larissa Araujo disse...

Nossa que liindo!!! Você esta de Parabens Ananda, qnd eu crescer, vou querer ser uma ASPIRANTE a jornalista igual a você!!!